Pesquisa mostra queda em avaliação de Bolsonaro na região Nordeste

0
10

A avaliação do governo do presidente Jair Bolsonaro (PSL) no Nordeste chegou decaiu neste mês, segundo dados da XP Investimentos/Ipespe. O nível de rejeição do presidente eleito chegou a 53% de ruim e péssimo. A informação é da revista Época.

A apuração foi realizada nos últimos dias 5, 6 e 7, duas semanas após declarações de Bolsonaro consideradas discriminatórias em relação à população nordestina. Em uma dessas ocasiões, Bolsonaro se referiu aos governadores nordestinos pejorativamente como “paraíbas”.

Em outra ocasião, em um vídeo publicado no Facebook pelo deputado federal Cláudio Cajado (PP-BA), Bolsonaro, afirmou que para se “tornar” nordestino faltaria apenas crescer a sua cabeça.

Em janeiro, a avaliação do presidente no Nordeste tinha 33% de ótimo e bom, 31% de regular, 26% de ruim e péssimo e 11% da população que não quis ou não soube responder.

Este mês, a avaliação na região tem 20% de ótimo e bom, 24% de regular e 53% de ruim e péssimo. Outros 3% da população não quiseram ou não souberam responder. Saldo negativo da percepção do governo alcançou maior marca

De maio para cá, de acordo com a coluna “Painel”, da Folha de SPaulo, também deste sábado, os números oscilaram na margem de erro, mas o saldo negativo da percepção do governo alcançou sua maior marca neste mês.

Na atual edição da pesquisa da XP/Ipespe, 38% dos entrevistados em todo o país afirmaram que a gestão do capitão reformado do Exército é ruim ou péssima, e 33% que é ótima ou boa. Essa diferença de cinco pontos é inédita. Nos dois meses anteriores, ela ficou estacionada em um ponto.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here